Google Translate
ArabicBlogger Tips And Tricks|Latest Tips For BloggersFree BacklinksBlogger Tips And Tricks Korean Japanese Chinese Simplified
Russian Portuguese English French
German Spain Italian Dutch
sábado, 13 de janeiro de 2018

PostHeaderIcon Ducati fecha 2017 positivamnte e continua a crescer

A Ducati Motor Holding continua a crescer. Em 2017, a fabricante de motocicletas com base em Bolonha (Itália) entregou 55.871 motocicletas para clientes em todo o mundo, fortalecendo o sucesso do ano anterior (55.451) e continuando a tendência ascendente que tem sido uma empresa estável, característica há oito anos.

"2017 foi outro ótimo ano para a Ducati, comercial e nas corridas", afirmou Claudio Domenicali, CEO da Ducati Motor Holding. "Nós lutamos pelo título do MotoGP até a última corrida, ganhamos seis GPs e trouxemos os melhores resultados desde 2009. A renovação contínua da gama de produtos e um forte foco na criação de motocicletas de máxima qualidade nos permitiu continuar crescendo apesar dos problemas que afetam o mercado mundial. Agradeço a todos os homens e mulheres cuja paixão torna possível, todos os dias, construir essas motocicletas extraordinárias. O seu trabalho tornou a Ducati um emblema da excelência italiana ".

Cada modelo na gama desempenhou o seu papel na obtenção dos resultados, confirmando sua capacidade contínua para excitar os entusiastas da Ducati em todo o mundo. Em 2017, a família Multistrada, agora estendida com a inclusão da nova Multistrada 950, se mostrou particularmente popular. A família Monster também desfrutou de vendas saudáveis, assim como a SuperSport e a exclusiva 1299 Superleggera, 500 das quais foram compradas mesmo antes de entrarem em produção.

A Ducati Scrambler solidificou o sucesso dos dois anos anteriores, reforçando a gama de motos Scrambler oferecidas pela inclusão do novo Desert Sled e Café Racer. Um total de 14.061 motocicletas Scrambler foram entregues em 2017, contribuindo de forma significativa para as vendas globais.

O mercado italiano foi particularmente dinâmico, terminando em 2017 com crescimento de 12% (8.806 motocicletas entregues). A tendência ascendente também foi evidente na Europa, onde a Ducati aumentou as entregas de motos em 4%, totalizando 31.123. Ducati também cresceu no mercado espanhol, onde as vendas aumentaram consideravelmente em 28,3%.

Nos Estados Unidos - ainda o maior mercado da Ducati - as entregas aumentaram 1,3%, com vendas de motocicletas no total de 8.898. Na Argentina, a taxa de crescimento atingiu um impressionante crescimento de 66%.

Nos mercados asiáticos, a Ducati entregou um total de 5.805 motocicletas, além de fortalecer sua posição na China (+ 31%), onde a rede de concessionárias dobrou de tamanho, de 9 para 18.

"Apesar de um mercado global encolhendo, conseguimos aumentar nossa participação no mercado. Nós expandimos significativamente nos mercados consolidados, como Itália e Espanha, e em mercados emergentes estratégicos como a China e a Argentina. Isto é graças a uma gama capaz de gerar lealdade entre os Ducatistas em todo o mundo, mas também conquistando novos clientes com modelos como o SuperSport, Multistrada 950 e a família Scrambler. Além disso, o sucesso de vendas da Superleggera e 1299 Final Edition confirmam a nossa liderança tecnológica e de marca no segmento high-end de motocicletas esportivas ", acrescentou Andrea Buzzoni, Diretor de Vendas e Marketing Global.

Este final positivo para 2017 permite que a Ducati olhe para o futuro com confiança. A gama de produtos 2018 promete ser ainda mais competitiva e inovadora. Por exemplo, o aguardado modelo Panigale V4 será a primeira moto da fábrica da Ducati a ser equipada com um motor de quatro cilindros, um ramo direto da Desmosedici usado no MotoGP e o resultado do maior investimento que a empresa já fez em um único produto . A nova Ducati Scrambler 1100 acrescenta uma dimensão totalmente nova ao mundo Scrambler, mesclando desempenho de alta qualidade para a liberdade de expressão ilimitada e a diversão para andar, com as dimensões e o conforto associados às motocicletas maiores. Além disso, o Multistrada 1260 leva a evolução tecnológica da Multistrada ao próximo nível: um painel de instrumentos de alta resolução, uma mudança de marchas eletrônica e um grande aumento no torque médio tornam o esporte perfeito. Um modelo 821 renovado e a 959 Panigale Corse completam as novas motos para 2018.

Após um ano marcado por mudanças que deram início à renovação na operação da Ducati no Brasil, o ano de 2017 trouxe a confirmação de acerto sobre as decisões tomadas pela companhia. O resultado foi a manutenção da performance da Ducati no Brasil, que se mantém em crescimento apesar da insistente queda do mercado nacional no segmento acima de 500 cilindradas. Mesmo com o mercado acima de 500cc caindo 13% (período de janeiro a dezembro de 2017), a Ducati do Brasil apresentou um resultado superior a 2016. Em números, a Ducati alcançou 3,85% de market share , superando o crescimento de 2016 quando o market share foi de 3,2%. As ações realizadas na Ducati do Brasil seguem direcionadas para deixar a companhia mais competitiva, ágil e pronta para o crescimento. Hoje a companhia está presente no país com sete concessionárias, sendo duas em São Paulo capital, e as demais em Campinas/SP, Curitiba/PR, Goiânia/GO, Brasilia/DF e Belo Horizonte/MG. Com os olhos voltados para o atendimento ao cliente, a Ducati deu um passo importante e no segundo semestre de 2017 abriu três novos postos de serviços para atender localmente os clientesem praças ainda não contempladas por concessionários Ducati. São oficinas credenciadas em Recife/PE, Rio de Janeiro/RJ e na região de Porto Alegre/RS. O avanço sob bases sólidas fez com que a companhia se dedicasse à estruturação de um Estoque Local Oficial Ducati no Brasil. O armazém passa a concentrar e distribuir localmente o estoque de peças, acessórios e vestuário.

“A inauguração oficial deve acontecer em 2018 com o armazém totalmente estruturado e pronto para atender integralmente a operação da Ducati do Brasil”, destaca Diego Borghi, CEO.

Em contínuo aprimoramento, a Ducati do Brasil hoje atua no país com um time 100% brasileiro e engajado com a marca, sob uma visão de longo prazo, foco nos ducatistas e na sustentabilidade do negócio como um todo.

0 comentários:

Postar um comentário