Google Translate
ArabicBlogger Tips And Tricks|Latest Tips For BloggersFree BacklinksBlogger Tips And Tricks Korean Japanese Chinese Simplified
Russian Portuguese English French
German Spain Italian Dutch
domingo, 16 de junho de 2019

PostHeaderIcon Aula prática de biologia no coração da Amazônia, no Juma Amazon Lodge

Poucas experiências na vida podem ser tão enriquecedoras quanto uma imersão na Floresta Amazônica, um dos cenários mais privilegiados do planeta em matéria de biodiversidade. Na companhia de monitores especializados, embrenhar-se mata adentro e conhecer de perto sua fauna é uma aventura cercada de ensinamentos e descobertas, ainda mais para quem vive o dia a dia apressado das zonas urbanas.

A proposta do Juma Amazon Lodge é oferecer essa vivência real na Região Norte do Brasil. Para cada pacote de noites, diferentes passeios estão incluídos. Crianças e adultos são estimulados a conhecer hábitos e características dos animais que habitam o entorno deste hotel de selva, localizado a 100 km de Manaus. Diariamente, pequenos grupos de hóspedes são levados por guias locais para verdadeiras aulas de biologia a céu aberto.

A interação é estimulada dentro de um processo de troca e de aprendizagem. Uma pescaria não se limita a fisgar o peixe, mas é também a chance de saboreá-lo em um jantar preparado à moda amazônica. Atividade noturna, a focagem de jacaré é uma expedição única, feita em meio à navegação no rio. Além de observado a distância, o réptil é trazido pelo guia para dentro do barco, para que os turistas possam ver de perto o animal antes de ele ser devolvido em segurança à natureza.

Nativos, os monitores do Juma Amazon Lodge ensinam a ter contato com os bichos sem oferecer riscos às espécies, seja na observação de pássaros ou botos. A riqueza de sua fauna e flora faz da Amazônia uma espécie de farmácia à qual as populações indígenas recorrem com sabedoria. Durante uma caminhada matinal pela floresta, o hóspede é orientado a botar a mão no local onde vivem formigas tapibas e esfregá-las contra o corpo em seguida. Quando esmagadas, elas liberam um odor que age como repelente natural contra outros insetos. Vale ressaltar, no entanto, que praticamente não se encontra mosquitos na região, devido à água ácida dos rios.

Os dias no Juma Lodge são norteados pelo espírito de aventura e pela curiosidade, principalmente das crianças. Elas costumam ficar animadas com as visitas dos simpáticos e espertos macacos barrigudos. Diariamente, eles trocam o alto das árvores pelas passarelas que conectam todas as dependências do hotel, momento em que é possível ficar mais perto dos animais e registrar o inusitado encontro em fotos.

Em uma área de 7.000 hectares, o Juma Amazon Lodge foi erguido sobre palafitas, mesmo método usado pela população ribeirinha da Amazônia para construir suas casas. As instalações do hotel estão resguardadas pelas árvores, a 15 metros de altura, nível máximo atingido pelo rio no período da cheia. Alinhado com o conceito de sustentabilidade, o Juma Amazon Lodge adota práticas como uso de energia solar e reciclagem.

Os hóspedes podem escolher entre 19 bangalôs, sempre com rede na varanda, água quente e ventilador. Praticidade é o destaque das seis unidades, com 40,5 m² de área, voltadas para a floresta. Perto da recepção e vizinhas entre si, atendem bem casais com crianças, idosos e pessoas com mobilidade reduzida. Se a ideia for ter mais privacidade, o viajante pode ficar em um dos 12 quartos, de 32 m² e com vista para o Rio Juma. Para uma viagem repleta em exclusividade, os 96 m² do bangalô panorâmico incluem cama king-size e varanda que contorna a acomodação, proporcionando um impressionante visual.

O restaurante do Juma Amazon Lodge agrada tanto aos adeptos da culinária internacional quanto aos que buscam experimentar os sabores e aromas amazônicos. O hotel tem ainda um pequeno bar, um redário, uma piscina que utiliza a água do próprio rio e um deck que convida à utilização do telescópio profissional para apreciar o céu nas noites estreladas da Amazônia.

0 comentários:

Postar um comentário