Google Translate
ArabicBlogger Tips And Tricks|Latest Tips For BloggersFree BacklinksBlogger Tips And Tricks Korean Japanese Chinese Simplified
Russian Portuguese English French
German Spain Italian Dutch
sábado, 17 de novembro de 2018

PostHeaderIcon Um lugar chamado Comporta

“Hamptons dos anos 70, St Barth dos anos 80 e José Inácio e Trancoso dos anos 2000”: foram essas as comparações feitas pela Revista Forbes para definir a charmosa praia de Comporta, em Portugal, apontada em 2017 pelo New York Times como um dos melhores destinos do mundo para se visitar. E enquanto o mundo inteiro não fica sabendo, a elite europeia e os mais antenados aproveitam para fincar o guarda-sol nessa extensa praia localizada ao centro-sul do país do bacalhau.

E é exatamente por estar ainda muito intocada, rodeada por uma natureza preservada – graças a muitas restrições ambientais vigentes – e construções típicas, que o charme dessa região portuguesa tem atraído tantos olhares interessados. Um paraíso ainda pouco explorado por brasileiros, Comporta fica a cerca de 1h30 de Lisboa e não por acaso é reduto de celebridades como Madonna, Cristian Louboutin, Philippe Starck e Jacques Grange que já garantiram suas casas de verão por lá.

O mar é azul turquesa e a areia bem branquinha. Existem faixas de praias desertas, outras praias mais conhecidas como a Praia do Pêgo, Carvalhal, Aberta Novamas e também a badalada Praia da Comporta. Se você é do tipo que não arreda o pé até o sol se pôr, existem opções de quiosques e restaurantes na praia mesmo. Um exemplo é o Comporta Café, que tem um ótimo serviço e serve pratos típicos portugueses. Há música ambiente e bons drinques. O Ilha do Arroz também é uma ótima opção, mas segue bem a linha “beach club”, com um lounge com enormes puffs coloridos e vista para o mar. Como seu nome diz, a especialidade é o arroz.

Aliás, arroz é mesmo o forte da região. A vila é muito conhecida por seus extensos arrozais, em meio as dunas. Com vista para os campos de arroz e de propriedade de uma das pessoas mais descoladas de Lisboa, o Museu do Arroz é um restaurante elegante que vale a visita, já que possui cena noturna com a presença frequente de djs durante a temporada de verão. Mas, a parada obrigatória é mesmo no conhecido restaurante Sal. Por lá não faltam excelentes opções de frutos do mar, peixes frescos e mesas com vistas para a praia. Por ser ótimo para longos almoços com os amigos, o indicado é fazer reserva com antecedência. Mas, se o Sal estiver muito cheio outras boas opções não faltam. É o caso da Dona Bia, quase um segredo local, que serve as refeições nas mesas colocadas na areia e tem como especialidade o arroz malandrinho.

Já no quesito atividades, o mais indicado é conhecer a região em passeios a cavalo por uma vista deslumbrante. A empresa Cavalos na Areia (favorita da Madonna) realiza um passeio imperdível pelas vinhas, dunas e arrozais onde se tem uma ideia da imensidão da zona costeira. Na região há ainda diversas atividades como caiaque, pesca, observação de golfinhos, golfe, surfe, vinícolas e degustações de vinho. Outro passeio imperdível é o piquenique especial organizado pelo Sublime Comporta – primeiro hotel da região – e oferecidos apenas para os hóspedes. Ele acontece numa praia deserta na Herdade dos Pinheirinhos, que é acessível apenas de jipe.

Por mais que a região seja perto de Lisboa, vale hospedar-se por lá e recarregar as energias. O hotel Sublime Comporta é perfeito para isso. Incrustado na natureza e com décor arrojado, o Sublime é um misto de simplicidade e modernidade. Escolha uma das vilas com lareira exterior, ideais para apreciar bons vinhos portugueses ao ar livre.

Para os amantes da gastronomia, o hotel oferece três opções. O principal, chamado “Sem Porta” tem a arquitetura inspirada nos celeiros da região e a cozinha traz receitas tradicionais portuguesas, utilizando produtos regionais e orgânicos sempre que possível.

Já o “Food Circle” fica localizado em meio ao jardim do hotel, nele há um balcão para 12 pessoas que queiram viver uma experiência gastronômica única – debaixo de um céu estrelado, rodeado de ervas e aromas. No restaurante, utiliza-se apenas métodos de cozinha ancestrais e o fogo tem protagonismo – o jantar é servido à luz da fogueira, inclusive – , deixando para trás as técnicas mais modernas. O chef Tiago Santos serve tudo o que nasce no jardim gastronômico do hotel e tudo a sua época. Desde vegetais até flores comestíveis, raízes e sementes, tudo harmonizado com carne e peixes ou com produtos de parceiros locais cuidadosamente selecionados.

O hotel conta ainda com o “Com Brasa”. O nome diz tudo, já que nesse espaço a arte é a dos grelhados e são várias as opções de carne, peixe e vegetais preparadas com perfeição. Para acompanhamento são servidas saladas e vegetais leves que combinam com as altas temperaturas. A seleção de vinhos nacionais é feita para premiar toda a experiência gastronômica.

E para quem valoriza os cuidados com o corpo e a mente e o meio ambiente, o SPA do Sublime Comporta se compromete a oferecer experiências aos clientes na forma mais pura através dos produtos naturais da Amala Organic Skincare, que são 100% feitos de extratos naturais. O arroz e o sal marinho – destaques da região - também foram incorporados aos tratamentos oferecidos. E se na gastronomia a experiência é “farm to table”, no SPA, os ingredientes vão diretamente do jardim para a cama, isso pois todas as manhãs, as terapeutas colhem no Jardim Biológico do próprio hotel (que conta com mais de 300 variedades de plantas), os ingredientes necessários para o melhor equilíbrio entre corpo e mente. Com uma abordagem holística, o Sublime SPA integra - a par dos mais variados tratamentos de corpo e rosto – serviços da medicina tradicional chinesa como Acupunctura, Tui Na ou Auriculoterapia.

Serviços de Personal Training , aulas de ioga e tênis também estão disponíveis. O espaço conta ainda com 3 salas de tratamento (uma para casais), sauna, banho turco, piscina interior aquecida, um ginásio e um pavilhão exterior, de madeira, onde se podem realizar algumas aulas e tratamentos em contato direto com a natureza.

0 comentários:

Postar um comentário