Google Translate
ArabicBlogger Tips And Tricks|Latest Tips For BloggersFree BacklinksBlogger Tips And Tricks Korean Japanese Chinese Simplified
Russian Portuguese English French
German Spain Italian Dutch
quarta-feira, 5 de dezembro de 2018

PostHeaderIcon Primeira edição da La Casa Secreta, em Cunha, surpreende participantes; startup de viagens secretas já planeja outras edições para 2019


Sem saber onde iriam passar os próximos três dias, participantes de várias partes do Brasil ficaram hospedados em uma deliciosa casa na estância de Cunha (SP) e participaram de diversas experiências. Teve vivência sensorial de perfumes, drinques inspirados em perfumes famosos, degustação às cegas de azeites e caminhada para colheita de cogumelos e plantas nativas para o almoço

A primeira edição de La Casa Secreta - uma startup de viagens secretas, para destinos fantásticos, pouco explorados por turistas convencionais, e com um rol de atividades que só é revelado ao longo da estada - aconteceu em Cunha (SP), na última semana de novembro e foi um sucesso. Participantes de diversas partes do Brasil embarcaram para a viagem sem saber para onde iriam e o que iriam vivenciar naqueles três dias. O resultado foi uma série de atividades sensoriais e gastronômicas que não só surpreendeu o grupo como deixou a todos com o chamado “gostinho de quero mais”.

“Estamos muito felizes com o resultado da primeira edição de La Casa Secreta, a experiência foi magnífica com vivências bastante diferenciadas, envolvendo perfumes e aromas, depois drinques perfumados, chás, azeites e vinhos. Tudo muito rico e em um ambiente que encantou a todos” , disse Carolina Fernandes, uma das idealizadoras do projeto.

O destino escolhido para a primeira edição de La Casa Secreta foi a cidade de Cunha, uma estância climática situada a duas horas e meia de São Paulo, a 1.100 metros de altitude entre as belíssimas serras da Quebra-Cangalha, da Bocaina e do Mar. Uma casa fantástica, a Casa Amadú, foi escolhida para acolher os oito convidados, com área de reflorestamento, produção orgânica de alimentos. Sem contar a piscina natural, sauna a lenha e ofurô.

“A gente queria um lugar mágico, para que as vivências fossem mágicas e conseguimos”, disse Marina Bichara, também sócia da nova startup. Para Marina, a beleza da casa e do entorno tornaram as experiências ainda mais intensas.

Uma das primeiras vivências sensoriais foi conduzida pela perfumista Mônica Rosseto. Uma provocação do sentidos, conectando paladar e olfato, e preparando para a próxima atividade: drinques perfumados. Nesta etapa, Mônica atuou ao lado de Marcelo Serrano, mixologista que proporcionou aos participantes experimentar drinques inspirados nos perfumes Jersey (Channel), Aqua Mirabillis (Pink Panther), Sí (Giorgio Armani), Hugo (Hugo Boss) e L'Homme ideal (Guerlain).

Mas teve ainda uma sommelier de chás, Ellen Fontes, que apresentou aromas, ingredientes, texturas e sabores para que cada um buscasse o chá perfeito para si mesmo. Ellen é proprietária da marca Infuze. E uma degustação às cegas de azeites com Nélio Weiss, dono da marca Olibi, o azeite brasileiro da Serra da Mantiqueira. Foram apresentados cinco azeites, entre eles alguns dos melhores do mundo e outros de origem duvidosa.

Na casa, todos foram recebidos pelo Chef Internacional Julio Escalante, encarregado de preparar as experiências gastronômicas e compartilhar com os participantes alguns momentos especiais ao longo dos três dias. A especialista em vinhos da Catalunha, Jolanta Figiel, proprietária da Bova Vid, também se juntou ao grupo (virtualmente) em um dos dias, trazendo quatro vinhos diferentes para degustação.

No, terceiro dia, depois da aula de yoga, com Thais Mori, o grupo saiu em busca de cogumelos selvagens e plantas nativas para o almoço. Percorreram uma trilha na serra para colher itens que pudessem ser usados no preparo da comida e dos drinques, sempre com a ajuda do expert Jorge Ferreira. Ele é especialista em plantas nativas brasileiras e cogumelos selvagens. O resultado em termos de sabores foi incrível. Não só nos pratos, mas nos drinques preparados pelo bartender Patrick Jardim, que comanda o bar do restaurante Jundú.

A startup La Casa Secreta já chega ao mercado com forte parcerias com empresas do segmento alimentício, marcas interessadas em atingir um público seleto, entre elas Bacardi Brasil, Pulltex (fabricante espanhol de acessórios para vinhos), Knolive (produtor espanhol de azeite), Moulin Oltremonti (produtor francês de azeite), Olibi (produtor brasileiro de azeite), entre outros. Em paralelo, também surge com uma área de negócios pronta para atender o segmento corporativo e de eventos fechados, como casamentos. Também nestes casos o fator surpresa e a vivência são os pontos altos.

As próximas edições da La Casa Secreta vão acontecer em 2019, ainda com local e datas a serem definidos.

0 comentários:

Postar um comentário