Google Translate
ArabicBlogger Tips And Tricks|Latest Tips For BloggersFree BacklinksBlogger Tips And Tricks Korean Japanese Chinese Simplified
Russian Portuguese English French
German Spain Italian Dutch
quarta-feira, 22 de maio de 2019

PostHeaderIcon Seguro viagem para gestantes: dicas para futuras mamães com viagem marcada

Mulheres grávidas costumam ter dúvidas a respeito de viagens durante a gestação. Isso porque o período da gravidez pede maior cuidado com a saúde e a alimentação, e é importante fazer um acompanhamento médico de qualidade. No entanto, com a liberação do médico, viajar não deve ser problema. Basta garantir que a gestante terá acesso a bons médicos em caso de emergência.

A melhor maneira para isso é contratar um bom seguro viagem. Mas, no caso das futuras mamães, é preciso o dobro de atenção na hora de escolher o produto, uma vez que nem todos os planos de seguradoras de viagem cobrem esse momento especial. Como é comum fazer a compra online, as pessoas acabam não lendo as condições gerais do item contratado, que muitas vezes tem, em suas exclusões, casos de gravidez.

Segundo a APRIL Brasil Seguro Viagem, há diversos fatores que devem ser observados. O primeiro deles é se o produto oferece cobertura para mulheres gestantes. Em segundo, deve-se observar até qual semana da gestação essa cobertura é válida. Por fim, vale verificar se há algum limite de idade.  As gestantes são devidamente contempladas pelos planos da APRIL Brasil, por exemplo, desde que estejam em um período anterior à 32ª semana de gestação e tenham até 45 anos.

Como o seguro garante atendimento médico emergencial para qualquer situação decorrente da gestação, como dores, sangramentos e até partos prematuros, é importante garantir que a cobertura médica e hospitalar do produto seja suficiente, já que esses procedimentos podem ser relativamente caros, principalmente em países europeus ou nos Estados Unidos, que possuem um sistema de saúde caro. A recomendação da companhia é de planos com 250 mil euros/dólares de cobertura, para que os futuros pais não tenham prejuízos com algum imprevisto. Vale lembrar que consultas e exames rotineiros não estão inclusos na cobertura. Por isso, é imprescindível realizar o acompanhamento corretamente antes da viagem.

0 comentários:

Postar um comentário