Google Translate
ArabicBlogger Tips And Tricks|Latest Tips For BloggersFree BacklinksBlogger Tips And Tricks Korean Japanese Chinese Simplified
Russian Portuguese English French
German Spain Italian Dutch
quinta-feira, 30 de maio de 2019

PostHeaderIcon Voluntários da American Airlines apoiam o primeiro santuário para elefantes da América Latina

Em maio, um grupo de nove comissários da American Airlines, se voluntariou para continuar o trabalho começado na Tailândia há dois anos. O “Stews 4 Elephants”, grupo criado por Robyn Beasley, uma comissária de bordo, que começou o projeto em 2017 com a missão de ajudar no cuidado de elefantes resgatados do abuso.

Com a propagação do projeto, Scott Blais, fundador do Global Elephant Sanctuary, conheceu o trabalho do Stews 4 Elephants e convidou o grupo para participar do primeiro programa de voluntariado em seu santuário no Mato Grosso, o qual é o primeiro santuário para elefantes da América do Sul.
“É uma honra para o nosso grupo ser chamado para voluntariar neste programa tão especial no Brasil’, disse Robyn Beasley. “A melhor parte deste projeto é ver esses animais em um lugar seguro, felizes e aproveitando suas vidas apenas sendo elefantes novamente”, completou.
                                         Maia e Guida  curtindo sua nova vida no Santuário

Em 2015, o Santuário foi oficialmente registrado como uma organização não governamental. A construção inicial terminou em 2016 para receber os dois primeiros residentes, os elefantes Maia e Guida. Com o aumento do abuso dos animais como forma de atração turística, é necessário continuar expandindo o santuário para receber ainda mais moradores. “No momento, há mais de 10 elefantes esperando que a documentação e transporte sejam concluídas para ingressar no Santuário. A ajuda do grupo foi de extrema importância para o avanço do desenvolvimento do Santuário”, disse Scott Blais.

“Nós da American Airlines ficamos muito satisfeitos por ter membros da equipe dedicados a essa causa nobre”, disse Dilson Verçosa Jr., diretor de vendas para a América do Sul e Central. “O compromisso deles com este projeto no Brasil representa verdadeiramente nosso compromisso com as comunidades que atendemos”, completa.

0 comentários:

Postar um comentário