Google Translate
ArabicBlogger Tips And Tricks|Latest Tips For BloggersFree BacklinksBlogger Tips And Tricks Korean Japanese Chinese Simplified
Russian Portuguese English French
German Spain Italian Dutch
sexta-feira, 29 de junho de 2018

PostHeaderIcon Airbus fornecerá sistema de geoinformação de ponta a ponta para a Tailândia

A Agência de Geoinformática e Desenvolvimento de Tecnologia Espacial da Tailândia (GISTDA) escolheu a Airbus como parceira para o desenvolvimento de seu sistema nacional de geoinformação de próxima geração. O sistema de ponta a ponta fará da Tailândia um dos poucos países capazes de utilizar todo o potencial contido em geoinformações para o benefício de sua população. Totalmente alinhado à política 4.0 da Tailândia, o programa THEOS-2 representará um importante marco do desenvolvimento Espacial no Corredor Econômico do Leste e em seu Parque Digital.

Também faz parte do contrato um extenso programa para desenvolvimento de competências, que incluirá engenheiros tailandeses no desenvolvimento de um sistema integrado de geoinformação, segmento terrestre e dois satélites de observação terrestre, um de resolução muito alta e um pequeno sistema de satélite. O pequeno sistema de satélite da SSTL, uma subsidiária da Airbus, será montado e testado diretamente in loco por engenheiros tailandeses, para garantir a transferência de tecnologia e envolver fornecedores locais. Essa iniciativa será acompanhada de um programa de treinamento extensivo que fará uso do grande nível de experiência da Airbus na área de geointeligência, com o intuito de desenvolver ainda mais o setor geoespacial tailandês.

“Estamos muito contentes de estar trabalhando com a Airbus no desenvolvimento conjunto de uma plataforma inovadora de geoinformação de ponta a ponta que se tornará um centro nacional de excelência", disse o Dr. Anond Snidvongs, diretor-executivo da GISTDA. “A plataforma armazenará e explorará dados de diferentes fontes de maneira interoperável e integrada. As observações resultantes do uso do sistema servirão como uma importante fonte de informação para líderes tailandeses e os ajudará a cumprir a Política de Inteligência Acionável (Actionable Intelligence Policy – AIP): ferramentas para gestão e tomada de decisão de acordo com a região".

Dr. Anond Snidvongs disse ainda que “muitas pessoas terão acesso ao sistema, desde criadores de políticas públicas a usuários locais. Sobretudo, o THEOS-2 será usado para alavancar o desenvolvimento da competência tailandesa dentro da cadeia de valor espacial como um todo".

“Ao ser escolhida pela GISTDA como parceira para o programa THEOS-2, a Airbus dá continuidade ao relacionamento de sucesso desenvolvido por meio do programa THEOS-1. Sentimo-nos muito honrados pela confiança que continua a ser depositada em nós pela GISTDA", disse Nicolas Chamussy, Diretor de Sistemas Espaciais da Airbus. “Com a nossa experiência sem igual na cadeia de valor de observações terrestres como um todo, estamos em uma excelente posição para auxiliar uma organização ambiciosa e determinada como a GISTDA a estabelecer um sistema de geoinformação completo que beneficiará todo o Reino da Tailândia".

Assim que o programa começar, a GISTDA passará a alimentar seu sistema de geoinformação com imagens de satélite coletadas pela constelação de equipamentos da Airbus, que inclui satélites ópticos e radares de observação da Terra, tais como o Pléiades, SPOT, TerraSAR-X e TanDEM-X, bem como outras fontes de dados.

Um sistema de satélite óptico que produz imagens com resolução terrestre de 0,5m, o THEOS-2 utilizará o satélite AstroBus-S da Airbus, um satélite inovador e comprovado em voo. Com lançamento programado para 2020, esse satélite garantirá a continuidade dos serviços do THEOS-1, um satélite construído pela Airbus que foi lançado em 2008 e continua a produzir imagens de alta qualidade quatro anos após o fim da sua vida esperada. Com o satélite AstroBus-S, a Tailândia passa a fazer parte do seleto grupo de países com acesso soberano a informações geoestratégicas de resolução muito alta.

0 comentários:

Postar um comentário