Google Translate
ArabicBlogger Tips And Tricks|Latest Tips For BloggersFree BacklinksBlogger Tips And Tricks Korean Japanese Chinese Simplified
Russian Portuguese English French
German Spain Italian Dutch
sábado, 23 de junho de 2018

PostHeaderIcon TAP Celebra 50 Anos da rota Lisboa – Nova Iorque


Desde a privatização, a TAP abriu três novos destinos na América do Norte: Boston, Nova Iorque-JFK e Toronto e passou a diárias as suas frequências para Miami e Newark, totalizando atualmente 35 frequências semanais para a América do Norte. Em resultado desse investimento, o mercado dos Estados Unidos mais do que triplicou a sua importância para a TAP em termos de volume de receitas. Desde a abertura das rotas de Boston e de JFK, em 2016, e até maio de 2018, a TAP já transportou nas suas rotas nos Estados Unidos mais de 1,3 milhões de passageiros. Um crescimento de 155% comparando com os passageiros transportados nas rotas norte-americanas, em 2015, antes da privatização. E este mercado continua a crescer. No passado mês de maio, a TAP transportou 62 mil passageiros nas suas rotas nos EUA, o que corresponde a mais 10,4% do que os passageiros transportados em maio do ano passado.

Com os novos aviões a chegar a partir do final deste ano, a TAP prevê um crescimento ainda maior de passageiros e destinos na América do Norte. Os novos A330neo e A321neo além de garantirem mais qualidade e conforto aos passageiros, vão permitir uma economia de custos que possibilitará à Companhia ter um produto mais competitivo.

Por outro lado, o desenvolvimento de um acordo comercial com a JetBlue, uma das principais companhias norte-americanas é também uma ferramenta decisiva para abrir as portas à companhia portuguesa. No âmbito desse acordo a TAP liga já os seus voos em Boston e JFK a 34 destinos da JetBlue nos Estados Unidos, entre os quais: S. Francisco, Los Angeles, Washington, Chicago, Las Vegas, Orlando, Detroit, New Orleans, Savannah, San Juan, Richmond e Tampa. Ao abrigo deste acordo de code share a TAP já transportou cerca de 72 mil passageiros.

Constatada a apetência do mercado pelo destino Portugal, a TAP está a investir na divulgação do seu novo produto Stopover no mercado norte-americano. Este é um instrumento fundamental para a estratégia de conquista dos Estados Unidos. O Stopover permite que um passageiro em viagem dos EUA para um destino na Europa usufrua de um a cinco dias em Portugal, sem custos acrescidos. Essa estada em Portugal, onde terá oportunidade de conhecer uma ou mais cidades, funciona como um estímulo para uma nova viagem com destino a Portugal. O programa tem sido sucessivamente reconhecido por prestigiados meios internacionais. A edição norte-americana da revista Conde Nast Traveler considerou-o o melhor programa de Stopover do mundo

0 comentários:

Postar um comentário