Google Translate
ArabicBlogger Tips And Tricks|Latest Tips For BloggersFree BacklinksBlogger Tips And Tricks Korean Japanese Chinese Simplified
Russian Portuguese English French
German Spain Italian Dutch
quinta-feira, 6 de setembro de 2018

PostHeaderIcon LATAM Airlines Brasil reduz tarifas da classe Premium Economy em voos na América do Sul


A LATAM Airlines Brasil deu início às 10h de hoje (06) a uma promoção de passagens aéreas em classe Premium Economy para destinos na América do Sul, válida para voos com saídas de São Paulo. A campanha oferece viagens a partir de R$ 1.239* (preço para ida e volta, com todas as taxas inclusas).

As ofertas em Premium Economy estarão disponíveis para o cliente até as 23h59 de 13 de setembro, para viagens a serem realizadas entre 21 de setembro e 20 de dezembro de 2018, de acordo com o destino escolhido.

As passagens aéreas também estarão disponíveis para resgates promocionais, a partir de 25.000 pontos Multiplus (a incluir taxas, a partir de R$ 234,29) ida e volta. O resgate com pontos das passagens aéreas promocionais pode ser efetuado no próprio site da Multiplus (www.pontosmultiplus.com.br).

Os bilhetes podem ser adquiridos no site www.latam.com, lojas LATAM, LATAM Travel e agências de viagem. Nas compras pelo site da LATAM, o valor final (com todas as taxas inclusas) pode ser parcelado em até 12 vezes em qualquer cartão de crédito aceito pela companhia, sendo sem juros até a 4ª parcela.

A Premium Economy é uma classe a bordo exclusiva e com atendimento preferencial nos voos internacionais operados pela LATAM na América do Sul. Está configurada com 12 assentos nas primeiras fileiras da aeronave, que oferecem maior reclinação e espaço. Nesta classe, o passageiro também pode aproveitar todas as vantagens de um serviço Premium, incluindo acesso às salas VIP, preferência no check-in, no embarque, no desembarque e na retirada das bagagens, além de serviço de bordo Business e franquia de bagagem maior (três peças de 23 quilos cada).

*Demais detalhes sobre a promoção; regras e restrições devem ser verificados junto à companhia aérea.

0 comentários:

Postar um comentário